o que é seu tá guardado

still-of-emma-watson-in-the-perks-of-being-a-wallflower

Mariana Paiva

Não devia, mas tá. O que é seu – seu mesmo – tá guardado. Aquela mais preciosa alegria de ser quem se é tá escondida. Caso é saber quando tá na hora de procurar, mas acho que a gente sempre sabe. Faz um tempo, me perguntaram porque eu ficava toda contente com disco de vinil. Respondi: É que é uma migalha. Sabe João e Maria? Igual. O disquinho é uma migalha que me devolve a mim mesma. Tipo uma pista do caminho. E aí eu sigo pra me encontrar.

A pista também pode ser um par de patins. Um livro velho com dedicatória que você mantém sempre por perto. Uma almofada que sua avó comprou pra te dar no dia do seu aniversário e não pôde, porque faleceu na véspera. Um amigo distante. Aquele sorriso contente de uma prima pequena. O pedacinho que parece desimportante numa música, mas que é um mundo pra você. O que é nosso – de verdade- mora nessas coisas.

Parece pequena, mas migalha é uma coisa grande. Desculpe, dicionário, mas é. O que nos devolve a nós mesmos é enorme, imenso. Uma Via Láctea inteira de amor. Mas nada de ser só: outro dia, tio Nelsinho me entregou uma migalha. Disse que pensava em minha alegria quando lembrava de uma foto minha antiga, eu correndo, de mochila, no meio de uma rua vazia. Eu andava esquecida daquela fotografia no meio de centenas de outras da mesma viagem. Lugares famosos, comidas incríveis, pessoas novas. Mas ele tinha razão: o melhor era a descoberta daquela foto. Eu sendo eu mesma. Um caminho de volta, uma pista de mim escondida numa caixa de recordações.

O futuro está todo no passado, basta olhar. E, sabendo disso, ir correndo se buscar no lado de dentro, chamar pra ver o sol, tomar um ventinho na cara. E lembrar rapidinho como é bom ser quem se é. Com as tais dores e delícias, as mãos dadas e o olhar pra frente, tudo pra celebrar a festa que é passear do lado de fora

(o que é seu tá guardado sim, mas não precisa)

  • obrigada, tio Nelsinho
  • a cena linda é do filme “As vantagens de ser invisível”, bom demais pra pensar no tema
Advertisements

Leave a Reply

Fill in your details below or click an icon to log in:

WordPress.com Logo

You are commenting using your WordPress.com account. Log Out / Change )

Twitter picture

You are commenting using your Twitter account. Log Out / Change )

Facebook photo

You are commenting using your Facebook account. Log Out / Change )

Google+ photo

You are commenting using your Google+ account. Log Out / Change )

Connecting to %s

%d bloggers like this: